O Guia das Criaturas Mágicas - Inspirações p/ sua Crônica pag. 002

Atualizado: 23 de abr. de 2021

(Esse trabalho só foi possível graças aos nossos apoiadores. Apoie você também.)


O Guia das Criaturas Mágicas: desbravando terras brasileiras não é uma obra literária de ficção tradicional, pois não conta realmente uma história sobre personagens, embora hajam diversos personagens e toda uma construção de cenário que o ambienta. O livro se apresenta como um manual de estudo e trato de criaturas mágicas, um compilado de pesquisas escrito por uma "bruxa" da tradição dos Mbaepajés.


Inspirado na versão original do clássico "Animais Fantásticos e Onde Habitam", de J. K. Rowling (não confundir com a adaptação para o cinema), Thaís Câmara, bióloga cearense, monta um criativo bestiário das criaturas do Brasil, imitando o formato dos livros escritos por biólogos exploradores. O livro não retrata apenas seres místicos, como Boitatá e Curupira, mas também aborda vários dos animais brasileiros que possuem relação com o folclore, como a gralha-azul e o acutipuru, espécie de esquilo da mata atlântica.


No quesito de construção de mundo, apesar de não ter uma narrativa direta, há diversas referências a um complexo universo ficcional, que poderia até mesmo ser o mundo de Harry Potter, onde organizações de feiticeiros e pajés fariam parte de organizações governamentais para a proteção de criaturas mágicas, evitando sua extinção, mas é possível notar que teriam havido certas tensões naquele mundo mágico, provavelmente por conta da colonização. O Guia deixa bem abertas estas lacunas, de forma que a imaginação do leitor precisa completá-las, o que gera um interessante exercício de "como seria a minha versão deste cenário?".


É importante ressalvar que todos os "monstros" e divindades apresentados são releituras, criações da própria autora, que algumas destas se distanciam bastante das lendas originais do folclore brasileiro e das religiosidades indígenas, o que não tira o mérito da pesquisadora, que mergulhou profundamente na mitológica nacional e cosmologias latino-americanas para desenvolver esse cenário tão expressivo e vasto.


Para aqueles que procuram ideias de como desenvolver um cenário brasileiro de magia, com seres fantásticos e organizações políticas, o Guia das Criaturas Mágicas: desbravando terras brasileiras é uma boa fonte de inspiração para sua crônica.


171 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo