Uaiuara (D&D 5ª ed) - Bestiário Tropical pag. 020

Atualizado: 24 de dez. de 2020

Uaiuaras são metamorfos irritantes das florestas, de hábitos noturnos e selvagens. Sua forma verdadeira é a de uma fera canina, de pelos escuros e porte robusto. Suas orelhas se movem sozinhas, abanando-se no ar o tempo todo. Quando se transforma, vira um humanoide que lembra um humano, magro e não muito alto, que ainda mantém certas características caninas.


Os membros dessa espécie vivem solitários ou em pequenos bandos, normalmente de saqueadores, e não costumam desenvolver sociedades numerosas. O ato de roubar aquilo que precisam ou chantagear vilas, prometendo ataques futuros caso não recebam aquilo que desejam, é parte de sua cultura, que não tem o hábito de produzir itens por conta própria. Costumam viver escondidos nas florestas, atacar pequenas aldeias próximas ou viajantes desprevenidos na calada da noite, buscando comida e itens que precisem.


Essa raça não possui costume de usar roupas ou realizar comércio e não veem valor em dinheiro ou joias, mas sabem o valor de armas e outros objetos manufaturados, que normalmente roubam de suas vítimas. Apreciam a carne de aves e, principalmente, de peixes. Muitas vezes buscam assustar povos próximos das matas apenas pela diversão ou para mantê-los submissos.


Saqueadores meia-noite. Por tradição dos uaiuaras, os ataques sempre são noturnos e se iniciam próximos da meia-noite, sempre contra alvos mais fracos ou desprevenidos.


Armas roubadas. Apesar de não produzirem objetos de nenhum tipo, nada impede que utilizem armas que tenham se apossado.


Uaiuara

Monstruosidade média (metamorfo), neutro e mau.

 

Classe de Armadura: 13 (armadura natural)

Pontos de vida: 26 (4d8 +8)

Deslocamento: 12 m

 

FOR DES CON INT SAB CAR

14 (+2) 14 (+2) 15 (+2) 10 (+0) 12 (+1) 8 (-1)

 

Perícias: Furtividade + 4, Percepção +3

Sentidos: Visão no escuro 18 m, percepção passiva 13

Idiomas: Uaiuara e comum

Desafio: 1 (200 XP)

 

Audição e Olfato Apurados. Esta criatura tem vantagem em testes de Sabedoria (Percepção) que dependam da audição ou do olfato.


Camuflagem da Noite. O Uaiuara tem vantagem em testes de Destreza (Furtividade) feitos no escuro.


Escapada Ágil. O Uaiuara pode realizar uma ação de Desengajar ou Esconder-se como uma ação bônus em cada um dos seus turnos.


Metamorfo. O Uaiuara pode usar sua ação para se metamorfosear em um humanoide ou de volta a sua forma verdadeira, que é a montruosidade. Suas estatísticas são as mesmas em cada forma. Qualquer equipamento que esteja vestindo ou carregando não é transformado. Ele reverte a sua forma verdadeira se morrer.

 

Ações:


Ataques Múltiplos. O Uaiuara faz dois ataques: um com a mordida e outro com as garras.


Mordida (Quando em Forma de Fera). Arma de Combate Corpo a Corpo: +4 para acertar, alcance 1,5 m, um alvo. Dano: 6 (ld8 + 2) pontos de dano perfurante.


Garras. Arma de Combate Corpo a Corpo: +4 para acertar, alcance 1,5 m, um alvo. Dano: 5 (ld6 + 2) pontos de dano cortante.


Bordão (Quando em Forma de Humanoide). Arma de Combate Corpo a Corpo: +4 para acertar, alcance 1,5 m, um alvo. Dano: 5 (ld6 + 2) pontos de dano contundente.


Arco Curto (Quando em Forma de Humanoide). Arma de Combate à Distância: +4 para acertar, distância 12/48 m, um alvo. Dano: 5 (1d6+2) pontos de dano perfurante.

 

Adapte o Uaiuara para outros sistemas com nosso Grimório

 

Imagem: Fábio Alex World


Fontes de pesquisa:


ALVES, Januária. Abecedário de Personagens do Folclore Brasileiro. 1ª Edição. São Paulo: FTD: SESC Edições, 2017.


CASCUDO, Luís da Câmara. Dicionário do folclore brasileiro. 10ª ed. São Paulo: Ediouro. s/d, ISBN 85-00-80007-0.


GARCIA, Juliana. Minha Coleção De Mitos Do Folclore Brasileiro. 1ª Ed. São Paulo: Editora Caramelo, 2014.


SPIX, Johann; MARTIUS, Carl Philip. Viagem pelo Brasil (1817-1820). Vol. III. Brasília: Editora do Senado Federal, 2017.


343 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo