Cabra Cabriola (D&D 5ª ed) - Bestiário Tropical pag. 066

Esta criatura foi escolhida pelos nossos apoiadores. Faça parte desse apoio.


Um ser meio caprino, meio humano, de couro grosso e dedos compridos e finos. Seu focinho é alongado e tem dentes afiados. Seus chifres são pontudos e a criatura exala fogo pelos olhos e pelo nariz. Sua respiração solta fumaça e ela não veste qualquer roupa.


Cabriolas são uma espécie de papão embusteiro, muito acostumado a devorar humanoides. Possuem preferência pela carne macia de crianças e normalmente atacam no período noturno, quando elas estão em suas camas. Não são criaturas muito corajosas e preferem agir quando os pais não estão próximos, normalmente tentando convencer a criança a abrir a porta, fingindo se passar por alguém conhecido.


Essas criaturas dificilmente atacam grupos de aventureiros sem uma estratégia, e ainda assim só o farão se estiverem realmente com muita fome. É mais comum que tentem enganar ou achar algum modo de enfraquecê-los antes de tentar qualquer forma de violência.


Forjar a língua. A Cabra Cabriola pode executar um ritual com duração de 10 minutos, onde irá utilizar um martelo e uma bigorna para moldar a forma de sua própria língua. Ao fazer isso, ela ganha vantagem em testes para imitar uma voz específica que a Cabra conheça. Cada vez que executar esse ritual, a Cabra Cabriola pode selecionar uma nova voz para imitar.


Cabra Cabriola

Féerico médio, neutro e mau

 

Classe de Armadura: 15 (armadura natural)

Pontos de vida: 84 (13d8 + 26)

Deslocamento: 15 m

 

FOR DES CON INT SAB CAR

17 (+3) 16 (+3) 15 (+2) 11 (+0) 14 (+2) 15 (+2)

 

Perícias: Atletismo +5, Enganação +4, Furtividade +8

Imunidade a Condições: Ígneo

Sentidos: Visão no escuro 18 m, Percepção passiva 12

Idiomas: Comum e Silvestre

Desafio: 3 (700 XP) Bônus de Proficiência: +2

 

Investida. Se a Cabra Cabriola se mover pelo menos 6 metros em linha reta em direção a uma criatura logo antes de atingi-la com um ataque de chifre, o alvo sofre 4 (1d8) pontos de dano perfurante adicionais e deve ser bem-sucedido em uma salvaguarda de Força com CD 13 ou ficará caída.


Olfato Apurado. Esta criatura tem vantagem em testes de Sabedoria (Percepção) que dependam do olfato.


Salto com Impulso. Como parte do movimento e depois uma corrida inicial de 3 metros, a Cabra Cabriola pode saltar até 7,5 metros.

 

Ações:


Ataques Múltiplos. A Cabra Cabriola faz dois ataques: um com a mordida e outro com os chifres.


Mordida. Arma de Combate Corpo a Corpo: +5 para acertar, alcance 1,5 m, um alvo. Dano: 6 (ld6 + 3) pontos de dano perfurante.


Chifres. Arma de Combate Corpo a Corpo: +5 para acertar, alcance 1,5 m, um alvo. Dano: 7 (1d8 + 3) pontos de dano perfurante mais 3 (1d6) pontos de dano ígneo.


Sopro Flamejante (Recarrega 5–6). A Cabra Cabriola pode expelir fogo num cone de 4,5 metros. Cada criatura na área deve realiza uma salvaguarda de Destreza CD 12, sofrendo 10 (3d6) pontos de dano ígneo se falhar na, ou metade do dano caso obtenha sucesso.

 

Adapte a Cabra Cabriola para outros sistemas com nosso Grimório

 

Imagem: Batalhas Folclóricas (card game)


Fontes de pesquisa:


ALVES, Januária. Abecedário de Personagens do Folclore Brasileiro. 1ª Edição. São Paulo: FTD: SESC Edições, 2017.


CASCUDO, Câmara. Geografia dos Mitos. 1ª ed. São Paulo: Global editora. 2012.


COSTA, Francisco Augusto. Folclore Pernambuco. Rio de Janeiro: Imprensa Nacional, 1908.


FREYRE, Gilberto. Assombrações do Recife Velho. Rio de Janeiro: Record, 1987.


OLIVEIRA, Ana Paula; et al. Pega esse menino que tem medo de careta: As lendas da noite e o imaginário infantil. Rio de Janeiro: Eclética, 2003.


SILVA, Ana Mateus. A colaboração dos avós na educação dos netos. Interfaces Científicas-Educação, v. 1, n. 1, p. 67-75, 2012.


187 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo